NO AR
Evangelização

EM LIVRAMENTO: Católicos celebraram Oficio da Agonia nesta sexta

15/04/2017 às 08:04

Em Livramento, a Sexta-Feira Santa foi marcada pela Celebração do Ofício da Agonia, que iniciou-se às 11h, reunindo a Comunidade de Fé, para memorar a Crucifixão e os últimos Momentos de Jesus. Após o Ofício, houve a Procissão do Silêncio, com a Imagem de Nossa Senhora das Dores, até a tarde, onde encontrou-se com o Cristo Morto a caminho da Sepultura.

O Ofício de Trevas é um conjunto de leituras, lamentações, salmos e preces penitenciais, onde o templo fica às escuras, iluminado apenas por velas que se apagam aos poucos durante a cerimônia. Esta forma de celebrar é responsável pelo nome dado ao ritual, que representa o luto e a escuridão à qual ficou sujeita a Terra diante da morte de Jesus. O Ofício de Trevas é um forte momento de oração e reflexão da vida e missão de Cristo, que conduz os fiéis à oração mediante a meditação da Palavra de Deus.

Lembra as sete últimas palavras de Jesus, no Calvário, antes de sua morte: 1-“Pai, perdoa-lhes, pois não sabem o que fazem…”, 2-“Em verdade te digo: hoje estarás comigo no Paraíso”, 3-“Mulher, eis aí o teu filho… Eis aí a tua Mãe”, 4-“Tenho Sede!”, 5-“Meus Deus, meus Deus, por que me abandonaste?”, 6-“Tudo está consumado!”, 7-“Pai, em tuas mãos entrego o meu Espírito!”.

A comunidade deve estar reunida para acompanhar as 12 (doze) badaladas do sino anunciando a chegada do meio-dia. Após cada badalada um silêncio, para que cada um no coração diga o nome de Jesus. Coloca-se uma cruz e uma imagem de Nossa Senhora das Dores e 07 (sete) velas lembrando as sete palavras de Jesus na cruz. No centro do local onde se celebra o Ofício de Trevas, preferencialmente no coro antes do presbitério, coloca-se um ambão, de onde serão lidos os salmos, as leituras e as orações.

 

Da Pascom Livramento-PB

 

   Mais mídias

Comentários

Mais da Rádio Espinharas

Evangelização

Papa: ir à Missa é como ir ao Calvário

Cidade do Vaticano (RV) - “Quando vamos à Missa é como se fôssemos a um Calvário. (...) Cada celebraç...

Evangelização

Papa: colonização cultural ou ideológica não tolera diferenças

Cidade do Vaticano (RV) - A colonização cultural ou ideológica não tolera as diferenças e torna tudo igua...

Evangelização

Papa: Existe um mal difuso em ver o policial como um inimigo

Cidade do Vaticano (RV) -  O escasso sentido de responsabilidade por parte de muitos motoristas que fazem das estradas uma pista de &ld...

© 2011 - 2017. Radio Espinharas - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: