NO AR
Gerais

Cobrança de taxa de esgoto revolta moradores do Bairro Monte Castelo, em Patos

18/05/2017 às 11:05

Desde o início do mês de maio de 2017, a Companhia de Água e Esgotos da Paraíba, Regional das Espinharas (CAGEPA/Espinharas), começou a executar a cobrança da taxa de esgoto no Bairro Monte Castelo, em Patos. A cobrança está causando revolta aos moradores que consideram a taxa injusta diante da realidade econômica nos cidadãos da localidade.

A esposa do senhor Francisco Pereira Guedes disse que teve um susto ao receber a conta de água, pois no no mês de abril pagou R$ 36,84. Mas a conta que chegou neste mês de maio veio R$ 109,00. A família mora na Rua Maria Augusta Limeira, Bairro Monte Castelo. “A gente trabalha e ganha um salário e vai ficar quase tudo na conta de água, luz e aluguel. O nosso sustento vai ficar como? Aqui no Monte Castelo as contas vieram um absurdo”, relatou a dona de casa.

O senhor Davi Argemiro, residente na Rua Enéias Dantas, Monte Castelo, pagava R$ 149,00 e agora veio R$ 427,00 em sua conta que deve ser paga este mês de maio. O funcionário público municipal disse que teve um susto e não sabe o que fazer diante do salto de valor da conta de água. “Isso corresponde a quase 40% do meu salário! Tem alguma coisa errada aqui!”, comentou Davi.

A obra de esgotamento sanitário no Bairro Monte Castelo teve início na gestão do ex-prefeito de Patos Nabor Wanderley, no entanto, uma série de problemas fez com que a CAGEPA fizesse observações que demonstraram irregularidades que deveriam serem sanadas. Em 2017, houve melhorias e a obra foi aceita pela CAGEPA que passou a administrar a coleta de esgotos.

Em contato com o gerente da CAGEPA/Regional Espinharas, Maciel Damaceno, a reportagem foi informada que o valor está correspondente ao serviço prestado e que é obrigatório ser cobrado através de Lei Federal e Estadual que regulamenta o serviço. Maciel disse que o esgoto do Bairro Monte Castelo está sendo tratado pela Estação de Tratamento existente no Bairro Matadouro e que os esgotos do Monte Castelo, e também de outras localidades, são levadas por estação elevatória. Quanto aos valores, Maciel disse que pode ser cobrado 80% sobre o valor da água na taxa de esgoto, podendo chegar a 100%.

 

 

Por Jozivan Antero – Patosonline.com

 

Comentários

Mais da Rádio Espinharas

Gerais

“Esse canal não é limpo! A imundície é grande” relata moradora do Jardim Queiroz, em Patos

As donas de casa Rosana Rodrigues e Rita Conceição estão apelando para que a Prefeitura Municipal de Patos determine a ...

Gerais

Após acordo em reunião, SAMU voltará a funcionar na cidade de Teixeira

A partir da próxima terça-feira, dia 25 de julho, as equipes que compõem o Serviço de Atendimento Móvel d...

Gerais

Acompanhantes de crianças e idosos nos hospitais públicos e privados conquistam direito a alimentação na Paraíba

O Presidente da Assembleia legislativa promulgou a lei n° 10.959, de 19 de julho de 2017, de autoria da deputada estadual Estela Bezerra...

© 2011 - 2017. Radio Espinharas - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: