NO AR
Gerais

Cobrança de taxa de esgoto revolta moradores do Bairro Monte Castelo, em Patos

18/05/2017 às 11:05

Desde o início do mês de maio de 2017, a Companhia de Água e Esgotos da Paraíba, Regional das Espinharas (CAGEPA/Espinharas), começou a executar a cobrança da taxa de esgoto no Bairro Monte Castelo, em Patos. A cobrança está causando revolta aos moradores que consideram a taxa injusta diante da realidade econômica nos cidadãos da localidade.

A esposa do senhor Francisco Pereira Guedes disse que teve um susto ao receber a conta de água, pois no no mês de abril pagou R$ 36,84. Mas a conta que chegou neste mês de maio veio R$ 109,00. A família mora na Rua Maria Augusta Limeira, Bairro Monte Castelo. “A gente trabalha e ganha um salário e vai ficar quase tudo na conta de água, luz e aluguel. O nosso sustento vai ficar como? Aqui no Monte Castelo as contas vieram um absurdo”, relatou a dona de casa.

O senhor Davi Argemiro, residente na Rua Enéias Dantas, Monte Castelo, pagava R$ 149,00 e agora veio R$ 427,00 em sua conta que deve ser paga este mês de maio. O funcionário público municipal disse que teve um susto e não sabe o que fazer diante do salto de valor da conta de água. “Isso corresponde a quase 40% do meu salário! Tem alguma coisa errada aqui!”, comentou Davi.

A obra de esgotamento sanitário no Bairro Monte Castelo teve início na gestão do ex-prefeito de Patos Nabor Wanderley, no entanto, uma série de problemas fez com que a CAGEPA fizesse observações que demonstraram irregularidades que deveriam serem sanadas. Em 2017, houve melhorias e a obra foi aceita pela CAGEPA que passou a administrar a coleta de esgotos.

Em contato com o gerente da CAGEPA/Regional Espinharas, Maciel Damaceno, a reportagem foi informada que o valor está correspondente ao serviço prestado e que é obrigatório ser cobrado através de Lei Federal e Estadual que regulamenta o serviço. Maciel disse que o esgoto do Bairro Monte Castelo está sendo tratado pela Estação de Tratamento existente no Bairro Matadouro e que os esgotos do Monte Castelo, e também de outras localidades, são levadas por estação elevatória. Quanto aos valores, Maciel disse que pode ser cobrado 80% sobre o valor da água na taxa de esgoto, podendo chegar a 100%.

 

 

Por Jozivan Antero – Patosonline.com

 

Comentários

Mais da Rádio Espinharas

Gerais

Vacinação contra a gripe em Patos tem início nesta terça (24), informa coordenadora de imunização. Escute

A coordenadora do setor de imunização da Secretaria Municipal de Saúde de Patos, Suely Medeiros, disse que as unidades ...

Gerais

SINFEMP realiza nova manifestação com grevistas da cidade de Patos. Prefeito Dinaldinho diz que sindicato usa de intenção política. Escute

As manifestações do SINFEMP juntamente com os servidores municipais e efetivos da cidade de Patos que se encontram em greve h&...

Gerais

Barragem da Farinha falta 1,8 m para sangrar

As fortes chuvas que caíram de domingo (22) para esta segunda-feira (23), principalmente no município de Salgadinho, onde chov...

© 2011 - 2018. Radio Espinharas - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: