NO AR
Evangelização

Padre Fabrício promove mutirão para limpar balde do açude de São Mamede

10/03/2018 às 20:03

O manancial conhecido como Açude Novo, no município São Mamede, foi construído em 1969, e pertence ao Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS). No entanto, a última manutenção realizada pelo órgão federal foi em 1992. O açude sangrou pela última vez em 2008.

 Preocupado com a situação do manancial da cidade, o padre Fabrício Dias Timóteo, da paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em São Mamede, promoveu um mutirão, juntamente com os fiéis, nessa manhã de sábado (10), com o objetivo de limpar o balde do  Açude, que se encontra cheio de mato e muitas crateras.

 Por volta das 05h30min os féis começaram chegar ao açude para o mutirão de limpeza, às 08h já haviam aproximadamente 100 homens que dispostos a pôr a mão na massa.

Muitas mulheres ajudaram preparando um saboroso café partilhado.

A limpeza contou ainda com três caçambas e uma retroescavadeira de particulares, que cederam as máquinas de forma gratuita. Uns iam rocando o mato e outros tapando as crateras no balde.

O idealizador do mutirão, Pe.Fabrício, disse que se preocupou muito com o abandono do balde do açude, que abastece a cidade.

“O importante manancial se encontra totalmente abandonado, pois a última limpeza foi feita em 1992. O Açude Novo está com muitas crateras e mato em toda parte. Portanto, aqui é um gesto simples, solidário, fraterno, uma ação social e comunitária. Como que, João Batista gritando no deserto”, afirmou Pe. Fabrício

Ele continuou dizendo que é uma resposta consciente da Comunidade contra a omissão, a inércia do poder público.

Terminou afirmando que estava muito feliz com o engajamento de homens e mulheres de fé da cidade de São Mamede-PB.

De acordo com o senhor Genaro Soares, 53 anos, que ajudou na limpeza, essa ação é fundamental.

“O padre encampou esse trabalho, a Comunidade se fez presente, nós estamos aqui dando uma força, porque, com a chegada do inverno, o açude começa a tomar água e precisa está limpo”, contou Seu Soares.

O gari José Marcos, de 53 anos, que trabalha duro durante a semana na limpeza da cidade, não negou o chamado do padre. Para ele, é uma atribuição do poder público, mas já que não fizeram, a população se disponibiliza a fazer nós.

“Faz 10 anos que moro aqui em São Mamede, e nunca tinha vindo aqui, mas realmente está uma calamidade o açude”, contou Marcos.

Um ato simples, contudo digno de parabéns para toda Comunidade de São Mamede, que abraçou o chamado do Pe. Fabrício.

Que o Poder Público possa acordar da inércia constante.

 

Fonte: Patosonline

 

   Mais mídias

Comentários

Mais da Rádio Espinharas

Evangelização

Papa: missionário deve estar amparado unicamente em Cristo

“O bastão e as sandálias são a dotação dos peregrinos, porque assim são os mensageiros do re...

Evangelização

Copa do Mundo: Papa encoraja os brasileiros depois da eliminação

O encorajamento do Papa Francisco foi feito depois da oração mariana neste domingo, 08 de julho, ao avistar inúmeras ba...

Evangelização

Papa: todos são admitidos no caminho do Senhor, ninguém deve sentir-se um intruso

"Sentir necessidade de cura e confiar n’Ele" são os únicos requisitos para ter acesso ao coração de Jesus....

© 2011 - 2018. Radio Espinharas - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: