NO AR
Evangelização

Audiência: a Crisma é a marca indelével que nos une a Cristo

30/05/2018 às 08:05

O Pontífice deu sequência à catequese sobre a Crisma, recordando que o Espírito é um dom a ser protegido, deixando-se plasmar, como cera, pela sua caridade ardente para refletir Jesus Cristo no mundo de hoje.

Bianca Fraccalvieri - Cidade do Vaticano

Milhares de fiéis e peregrinos participaram na manhã de quarta-feira (30/05) da Audiência Geral na Praça S. Pedro.

O Papa prosseguiu sua série de catequeses sobre a Crisma, falando desta vez do selo do Espírito.

Espírito Santo, criador da unidade

Antes de receber a unção espiritual que confirma e reforça a graça do Batismo, explicou Francisco, o crismando é chamado a renovar as promessas que um dia foram feitas em seu nome pelos respectivos pais e padrinhos. Agora, é o próprio fiel a professar a fé da Igreja, pronto a responder «creio» às perguntas que lhe faz o Bispo, em particular que está disposto a crer «no Espírito Santo.

“O único Espírito distribui os múltiplos dons que enriquecem a única Igreja: é Autor da diversidade, mas ao mesmo tempo o Criador da unidade”, recordou o Papa.

Óleo do crisma

O sacramento da Confirmação ou Crisma realiza-se com a imposição das mãos do Bispo sobre os crismandos, enquanto suplica ao Pai do Céu que infunda neles o Espírito Paráclito. A este gesto bíblico, para melhor expressar a efusão do Espírito, logo se acrescentou a unção do óleo perfumado, chamado crisma, que é usado ainda hoje seja no Oriente, seja no Ocidente.

O óleo, acrescentou Francisco, é substância terapêutica e cosmética, que entra nos tecidos do corpo, cura as feridas e perfuma os membros. Depois da imposição das mãos, a fronte de cada um é ungida seguida destas palavras: «Recebe, por este sinal, o Espírito Santo, o dom de Deus».

“ O Espírito Santo é o dom invisível recebido, e a Crisma é a marca visível.”

Marca indelével

Assim, ao receber na fronte o sinal da cruz com o óleo perfumado do crisma, o crismando recebe uma marca espiritual indelével, o «caráter», que o configura mais perfeitamente a Cristo e lhe dá a graça de espargir entre os homens o bom perfume de Cristo.

“O Espírito é um dom imerecido”, concluiu Francisco, a ser acolhido com gratidão, fazendo espaço à sua criatividade inesgotável.

“ É um dom a ser protegido com cuidado e respeitado com docilidade, deixando-se plasmar, como cera, pela sua caridade ardente, para refletir Jesus Cristo no mundo de hoje. ”

Coreias

Durante as saudações em várias línguas, houve a apresentação de atletas coreanos de taekwondo, que sob as notas da Ave Maria de Schubert simbolizavam a união dos dois países.

Mês mariano

Francisco recordou também que amanhã concluímos o mês mariano. “Que a Mãe de Deus seja o refúgio nos momentos felizes, assim como nos momentos mais difíceis, e seja a guia de suas famílias, para que se tornem um lar de oração, de recíproca compreensão e de dom.”

 

 

Do Vatican News

 

Comentários

Mais da Rádio Espinharas

Evangelização

Grupo de oração realiza show católico no dia 14 de novembro

O grupo de oração Divino Salvador, estará realizando dia 14 de novembro, no largo da  igreja de Nossa Senhora de F...

Evangelização

Paróquia Nossa Senhora das Neves, Conjunto Bivar Olinto, se prepara para ordenação de um novo padre

A Paróquia Nossa Senhora das Neves, situada no Bairro Bivar Olinto, sediará uma Ordenação Sacerdotal na pr&oacut...

Evangelização

Padre Fabricio celebrará Missa da renovação da Aliança quinta no Santuário Mãe Rainha

Nesta quinta-feira (18), às 19 horas acontecerá no Santuário Mãe Rainha em Patos, a Missa da renovaç&atil...

© 2011 - 2018. Radio Espinharas - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: