NO AR
Gerais

Gerente da Vigilância Sanitária de Patos explica como acontece a fiscalização no Matadouro Municipal. Ouça

01/10/2019 às 14:10

A denúncia vinda a público na última sexta-feira informando que o Matadouro Público Municipal estaria sendo negligente com a questão da limpeza dos resíduos sólidos derivados do abate dos animais, ainda está gerando uma série de questionamentos em relação à fiscalização daquele local.

Mesmo após a explicação do secretário de agricultura, Júnior Guedes, informando que a limpeza está sendo feita corretamente, a imprensa local buscou saber do gerente da Vigilância Sanitária do município, João Vasconcelos, o motivo pelo qual o órgão não vem realizando fiscalizações naquele estabelecimento.

João informou que de acordo com a lei municipal 4237 de 2013, a Secretaria Municipal de Agricultura passou a fiscalizar esse tipo de procedimento através do SIM, que é o Serviço de Inspeção municipal. Portanto, a partir desta lei os procedimentos realizados dentro do Matadouro Público são de competência dessa fiscalização. Porém, João explicou que havendo uma solicitação para que a Vigilância Sanitária realize esta fiscalização, o órgão atenderá prontamente.

Ele também explicou que a Vigilância Sanitária inspeciona as carnes abatidas no matadouro, mas no âmbito do Mercado Público Municipal, depois que são descarregados para comercialização.

Ouça mais detalhes na entrevista que segue.

Matéria por Patosonline.com

Áudio – Higo de Figueiredo (Rádio Espinharas)

Áudio João Vasconcelos - Vigilância Sanitária (Matadouro)

Comentários

© 2011 - 2019. Radio Espinharas - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: